Politicians and Election, Vote in Freedom, Actively Participate in Democracy, Vote for Change, Online referendum
left right close

António Garcia Pereira

> Portugal > Politicians > PCTP/MRPP > António Garcia Pereira
António Garcia Pereira is ready for your opinion, support and vote. Vote online NOW!
PCTP/MRPP
 
photo Garcia Pereira

Garcia Pereira - for

Um advogado, professor universitário e político português. | A Portuguese lawyer and politician, the current leader of the maoist PCTP/MRPP.
 NO! Garcia Pereira

Garcia Pereira - against

Clique, se não apoiar António Garcia Pereira. Diga por quê. | Click, if you do not support António Garcia Pereira. Say why.

Online election results for "Garcia Pereira" in graph.

graph
Graph online : António Garcia Pereira
Full functionality only if Javascript and Flash is enabled
POR: António Pestana Garcia Pereira (Lisboa, 14 de Novembro de 1952) é um advogado, professor universitário e político português. António Garcia Pereira é licenciado, mestre e doutor em Direito. Iniciou a sua carreira como assistente da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, em 1974, exercendo essa função até 1986. Em 1977 foi admitido na Ordem dos Advogados. Em 1986 passou a leccionar no Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade Técnica de Lisboa. Entre 1991 e 1992 foi professor convidado do Departamento de Direito da Universidade Autónoma de Lisboa. Desde 2002 é professor auxiliar nesse instituto, onde rege as disciplinas de Relações Industriais e ...
for33against   Na minha opinião, António Garcia Pereira é bastante bom político. Por exemplo, porque ... (se eu queria escrever isso, eu escrevi isso aqui), positive
for33against   Eu não concordo. António Garcia Pereira é má escolha. Por exemplo, porque ... (se eu queria escrever isso, eu escrevi isso aqui), negative
Current preference ratio
for Garcia Pereira
[TOP 4]

> António Garcia Pereira > News

SÓCRATES - SÓ SEI QUE TUDO SEI!
A entrevista da RTP a José Sócrates revela, em meu entender, três coisas:A primeira é que Sócrates continua igual a si próprio: arrogante, incapaz de reconhecer um único erro, especialista na mistificação e no escamoteamento das suas responsabilidades que, segundo ele, serão nenhumas.A segunda é a fraqueza evidente dos solícitos entrevistadores, incapazes de confrontar Sócrates com uma única pergunta consequente e certeira, desde os célebres 150.000 novos empregos que iria criar, os impostos que iria baixar, as negociatas das parcerias público-privadas, a aldrabice dos números relativos ao défice na véspera das eleições, a impiedosa perseguição aos adversários políticos e a todos os que pensassem diferente, as várias tentativas de controlo da imprensa e dos serviços de informação, etc., etc., etc..A terceira é o que esta entrevista e a contratação de Sócrates como comentador político verdadeiramente encerra, de par com os critérios de escolha e promo
Não vos deixeis iludir
  São extractos de um discurso de Karl Marx, pronunciado em 7 de Janeiro de 1848, sobre a questão do comércio livre. Neste tempo em que tanto se fala da União Europeia, dos novos países em acelerado desenvolvimento, de comércio livre ou do regresso do proteccionismo e, é claro, da crise, consideramos importante reter o que Marx aqui nos revela. O texto integral (assim como outros) pode ser lido num livro «Karl Marx - Crítica do nacionalismo económico», editado pela Antígona em Novembro/2009.       *   « (…) o consolo que o Senhor Bowring (1) prodigaliza aos operários que morrem e, em geral, a doutrina da compensação estabelecida pelos free-traders resume-se ao seguinte:   Vós, operários que morreis aos milhares, não vos deixeis cair na desolação. Podeis morrer com toda a tranquilidade. A vossa classe não desaparecerá. Será sempre suficientemente numerosa para que o capital a possa dizimar sem ter de temer a possibilidade de a aniquilar por comp
TERRORISMO POLICIAL PARTE IV
Conforme o referido no Ofício nº 26662, de 3/12, acabado de receber da Comissão Nacional de Protecção de Dados (ver imagem no final), não foi recebido naquela Comissão, por parte da PSP ou de outras Polícias ou Serviços Públicos, qualquer pedido de autorização ou de parecer relativamente à filmagem da manifestação/concentração do passado dia 14 de Novembro em Lisboa.O que confirma a inteira e ostensiva ilegalidade das filmagens consecutivamente efectuadas pela Polícia na referida manifestação e concentração e a completa e inadmissível ilicitude dos ficheiros e/ou bancos de dados que com elas se pretende constituir.Impõe-se, por isso, mais do que nunca saber quem ordenou, quem executou e quem utilizou, onde e para quê, tais imagens assim ilicitamente obtidas e promover o adequado procedimento contra os responsáveis por este grave crime público. RESPOSTA DA COMISSÃO NACIONAL DE PROTECÇÃO DE DADOS:   
Resolução sobre a fundação do MRPP e a criação do Comité Lenine
Documento aprovado na Reunião de Fundação do Movimento Reorganizativo do Partido do Proletariado (MRPP) em 18 de Setembro de 1970.



 
antonio pereira garcia tese de doutoramento, garcia pereira advogados, movimento garcia pereira, antonui pestana garcia pereira -sociedade advogados, garcia pereira biografia and more...
load menu